terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

força .

quero uma máquina que nos faça voltar atrás no tempo, mas que seja possível conservar tudo aquilo que aprendemos .
quem me dera ter uma máquina dessas ; hoje sabia bem como agir, como tratar as pessoas, o que fazer .
e ontem a dor era tanta, a tristeza era de tal maneira assustadora que me deu para chorar como se não houvesse amanhã .
tinha jurado que ia ser para esquecer, que nada me ia fazer lembrar do que acontecera nos últimos dias , mas não foi bem assim .
só me lembro de sentir um aperto estranho cá dentro, e quando dei por mim já estava a levar as mãos aos olhos e a soluçar .
tudo por uma parágrafo que pensei que teria continuidade, mas que parece que se ficou por um ponto final mal explicado .
não fez sentido . olhava á volta e tudo o que via era resultado de várias frustrações .
foi uma noite e tanto, não contradigo .
mas senti falta . de quê ? não sei ao certo .
só sei que ontem à tarde senti que a minha vida tinha parado .
vi-te . e no momento em que te vi senti que o coração acabara de subir até à boca .
mas eu sei que isto passa .
se consegues, eu tambem consigo .
afinal de contas, quando é demasiado é porque alguma coisa não bate certo .
será que algum dia baterá ?

2 comentários:

Joana Pinto disse...

fogo isso e mesmo estupido, copiar textos.. --' odeio isso!!
Blog bonitoo :P

as' disse...

Eu entendo também queria muito voltar atrás $: