terça-feira, 14 de outubro de 2008

Reviravolta

Tenho tudo. Do bom e do melhor. Do fraco e do pior.
Tenho o Sol a bater'me na pele e tenho o frio a penetrar'me nos ossos.
Tenho a brisa suave a acariciar'me o cabelo e a chuva a molhar'me o corpo.
Tenho o dia e tenho a noite. A vontade de ser melhor afasta'me o medo de fracassar, mas o passado sombrio teima em voltar. E qando volta, todas as árvores ficam despidas, todos os laguinhos ficam secos.
A terrível imagem do passado persegue'me, e qanto mais eu tento fugir dela, mais ela se junta a mim. Mas a força e a alegria do presente fazem desaparecer a dor e o negrume do passado.
Tenho um presente feliz e custado.
Agora sou o Sol q brilha e nao a nuvem q se esconde. Luto sem medo de me enganar e acredito sem medo de sofrer. Agora o frio nao passa de um meio para conseguir ver para além do horizonte.
Toda aqela dor q outrora me fizeste sentir, tornou'se agora em vontade de vencer.
Posso nao ser cautelosa, mas aprendia a valorizar o q tenho. Neste momento tenho tudo de bom.
Tenho uma vida minha, um passado q já nao dói, umas vozes q me dizem o melhor a fazer.
Aprendi a ser feliz sem ter q estar sempre agarrada a alguém.
Há qem tenha o privilégio de ter metade dos amigos q tenho.
(sem palavras para descrever o qanto me são importantes <3')
Bú, gosto de ti :$

1 comentário:

ManelaCasaNova disse...

aiiii bú bú x)
e depois a manela não tem razao , és muito pascácia mulher :b

amo'te <3